Floresta de Livros

Floresta de Livros foi a atividade da 1ª Bienal do Livro Amazonas destinada ao público infantil, mas que conquistou o público de todas as idades.

Neste espaço lúdico narrativo, as pessoas acompanharam a contação de quatro histórias: A Casa do Coelho, Ananse e o Baú de Histórias, O Sapo e a Princesinha e Juca e a Serpente do Rio. Os esquetes foram distribuídos em 57 sessões apresentados pelo grupo teatral amazonense Artcena.

Autora de livros infantis, produtora cultural e contadora de histórias, Daniela Chindler foi a curadora da Floresta de Livros. Formada em Letras pela PUC/RJ, possui no currículo apresentações como contadora de histórias e também elaboração e desenvolvimento de projetos culturais em todo o País. Atualmente Daniela Chindler é a coordenadora do projeto CCBB Educativo de Arte Educação do Centro Cultural Banco do Brasil – Rio de Janeiro e São Paulo.